Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PARATHION COMO AGENTE CAUSADOR DA NEOPLASIA MALIGNA TESTICULAR

Resumo

Resumo: Em âmbito biológico, pesquisas revelam que os principais motivadores da infertilidade masculina estão relacionados com exposições a agentes externos que concatenados com fatores internos tornam o homem estéril. Dessa forma, sabe-se que o Parathion, agrotóxico composto por organofosforado, tem caráter tóxico para o organismo, podendo mimetizar a atividade de hormônios como estrógenos e andrógenos. A exposição contínua a esse inseticida, além de danos em longo prazo, é capaz de ocasionar prejuízos morfológicos como diminuição do espermatozoide e aumento do pH do sêmen. Ademais, o Parathion, tem relação com o aumento de câncer de testículo, essa disfunção ocorre devido à diminuição significativa do nível de ácido ascórbico testicular, gerando uma elevação no número de espermatozoides morfologicamente anormais, outrossim, sugere-se que tal substância acarrete atrofiamento dos testículos. Além disso, alterações bioquímicas modificam diretamente o sistema endócrino, e consequentemente a produção de hormônio, que por sua vez, são necessários na formação e maturação do sêmen, originando outra problemática abrangendo essa temática.
Objetivo: Apresentar os principais aspectos associado ao Parathion e sua relação com a neoplasia testicular, além de corroborar esses fatores com o aumento da infertilidade masculina.
Método: Para desenvolvimento do estudo, a metodologia da pesquisa adotada baseou-se em um estudo exploratório de revisões literárias, utilizando uma abordagem qualitativa sobre a temática em questão.
Resultado: Foi possível constatar a relação entre o organofosforado e o aumento de casos de câncer de testículo. Além disso, nota-se a relação do diagnóstico de neoplasia maligna testicular como um dos fatores patológicos da infertilidade masculina.
Conclusão: A partir do presente estudo, foi possível inferir que, está diretamente ligado os aspectos da infertilidade masculina e a exposição contínua à agrotóxicos compostos por organofosforados. Além disso, entende-se também, a relação dos fatores hormonais com a esterilidade do homem, visto que o sistema endócrino é de suma importância para regulação dos hormônios que corroboram para a vitalidade do sêmen.

Palavras Chave

Câncer de testículo; Infertilidade; Parathion.

Área

Câncer de Testículo

Instituições

Centro Universitário Redentor - Rio de Janeiro - Brasil

Autores

RAFAELA SECHIM MOREIRA, ÉBYLLIN SEDANO ALMEIDA