Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

EFICACIA TERAPEUTICA DE DIAGNOSTICO PRECOCE DE CANCER DE PENIS: REVISAO INTEGRATIVA

Resumo

INTRODUÇÃO: O câncer de pênis (CP) é uma patologia rara, representando 2% dos cânceres urogenitais que acometem homens no Brasil. Dos fatores etiológicos, destacam-se: fimose, tabagismo, infecção por Papilomavírus humano (HPV) e outras Infecções Sexualmente transmissíveis (ISTs), além de estar relacionada à fatores sócio econômicos, como escolaridade e má higiene. Apesar do alto potencial de cura, nota-se aumento da mortalidade da doença com sua progressão, gerando início de tratamento tardio em mais de 50% dos pacientes. OBJETIVOS: Reunir evidências científicas da importância e implicação de um diagnóstico precoce para o sucesso na conduta terapêutica do CP. METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão integrativa, de caráter quantitativo descritivo relacionada ao sucesso terapêutico em diagnóstico precoce em CP, através de levantamento bibliográfico entre 1 e 7 de maio de 2021 nas bases de dados Pubmed, Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Scientific Eletronic Library Online (SciELO) nas línguas inglesa e portuguesa. Como descritores, foram utilizados: “penile cancer and its treatment” e “Penile cancer: Diagnosis”. RESULTADOS: A detecção precoce do CP é uma estratégia a fim de elevar a eficácia terapêutica. É feita através de exames clínicos, laboratoriais e radiológicos em pessoas que apresentem sinais e sintomas sugestivos como espessamento ou alteração da coloração da pele peniana ou prepúcio e tumor ou úlcera em pênis na ausência de doença sexualmente transmissível (DST) ou persistente após tratamento. Esses sinais não são indicativos de câncer, mas devem ser investigados por médico caso persistam por dias. Uma das dificuldades para a realização da detecção precoce se dá pela demora do paciente para procurar atendimento. Mais da metade deles tarda em até um ano para buscar o médico após o surgimento das lesões. Não há benefícios no rastreio em pessoas assintomáticas. CONCLUSÃO: É de extrema importância a conscientização dos métodos preventivos como a higiene diária e principalmente após as relações sexuais e a masturbação para evitar o CP. A cirurgia de fimose e o uso de preservativos são também fatores preventivos, pois possibilitam uma melhor limpeza da área genital e diminuem a chance do contágio pelas DSTs, as quais aumentam a incidência da doença. A atenção primária possui papel fundamental na conscientização populacional.

Palavras Chave

Diagnóstico precoce câncer de pênis; eficácia tratamento câncer de pênis.

Área

Tumores Raros

Instituições

Centro Universitário de João Pessoa - UNIPÊ - Paraíba - Brasil

Autores

JOÃO RAFAEL PEREIRA BEZERRA CAVALCANTI, ALEX JOHN SINEMA ALVAREZ, LUCIANO GONÇALVES DO NASCIMENTO JÚNIOR, EDUARDO PIMENTEL CARNEIRO BRAGA, MAURICIO VASCONCELOS VALADARES NETO, DAVI RODRIGUES DE SOUSA, LUIS FÁBIO BARBOSA BOTELHO